Gratuito. Dia 14 de março: aula experimental de língua árabe

No dia 14 de março, sábado, a partir das 14h, a Sielbra promoverá, gratuitamente, aula experimental de língua árabe. Não são necessários pré-requisitos.

Aprenda a língua árabe e sua cultura milenar, na Sielbra, em três níveis: básico, intermediário e avançado. A metodologia, o material e os excelentes professores fazem da Sielbra a melhor opção para o estudo personalizado do árabe e seus aspectos culturais.

Metodologia: nossa proposta é de desenvolver a conversação e a compreensão escrita e auditiva, com o auxílio de material de apoio e de recursos audiovisuais. Portanto, voltado à necessidade do aluno, em seu âmbito profissional e acadêmico.

Nessa aula experimental, você poderá esclarecer suas dúvidas: Qual a duração do curso e sua carga horária? Quanto custa a mensalidade? Quando começa? Quais as formas de pagamento disponíveis? As aulas são presenciais? A Sielbra concede certificado?

Entre em contato com nossa equipe acadêmica para participar da aula experimental e conhecer os horários disponíveis das aulas presenciais. Na sua matrícula, traga um amigo e ganhe 20% de desconto. Informações: (11) sielbra.educacao@gmail.com e (11) 5587-2222.

A escola de samba – 1970 a 2000: por dentro da escola

Informações sobre o curso: O objetivo é inserir os participantes no contexto histórico e na estrutura do Carnaval moderno. Descreveremos as mudanças de paradigmas na década, as questões estéticas e sociais, como, por exemplo, a proibição do Entrudo, as mães baianas, os Sambas de Terreiro, a criação do Samba-Enredo. As mudanças no Carnaval moderno: da preparação ao desfile, os grandes carnavalescos,  a década de 70 para as Escolas de São Paulo e as influências do Rio, super-escolas de Samba S/A, e a Era do Sambódromo.

Docentes: Gislaine Vicente e Marcus Marmello

Carga horária4h – Investimento: R$ 250

Quando: dia 19/2/2020, quarta-feira, das 14h às 18h

Metodologia: Aula expositiva, com apresentação de cases e material multimídia.

Conheça nosso programa:

Público-alvo: pessoas interessadas em cultura popular, com algum conhecimento ou não sobre o samba e sua induústria, profissionais da área de comunicação.

Marcus Marmello – tem formação em arquivologia pela Universidade do Rio de Janeiro – UniRio,  trabalhou no projeto memoria da vale do Rio Doce e em organização de acervos documentais, fotograficos e de filmes, militou no teatro amador no RJ, sendo diretor da associação de teatro amador carioca, nasceu e cresceu no bairro de Irajá no Rio de Janeiro onde teve contato com antigos sambistas da Portela e do Império Serrano, Jongueiro, compositor, intérprete e pesquisador de samba, estuda a história e composição de sambas a mais de 30 anos.

Gislaine Vicente – Jornalista (Un. Braz Cubas) e pós-graduada pela Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo e Unibero; especialista em Carnaval e Afrocultura. Trabalha desde 1990 em meios de comunicação, tendo passado por grandes veículos, como TVs Globo, Record, Rede TV! e SBT, agências de notícias como AgEstado/ O Estado de São Paulo e Folha de São Paulo (Publifolha), Sistema Globo de Rádio/ CBN, rádio Nativa, ECAD, Metrô News, Agnelo Pacheco (Publicidade), entre outros. Em todos os veículos cobriu os desfiles de escola de samba dos grupos Especial e de Acesso de SP e RJ, além de confeccionar os books de transmissão e da UESP. Foi jurada de eliminatórias de samba-enredo e editora do livro A geografia do Samba na cidade de São Paulo, de Alessandro Dozena (Polisaber).

Pré-requisito: sem pré-requisitos.

INSCRIÇÃO – Até 18/2 por e-mail: sielbra.educacao@gmail.com | Ou pelo whatsapp: (11) 95209-8596.

IMPORTANTE: ao fazer a inscrição, fornecer nome completo, celular para contato e RG e responder as respectivas perguntas:

FORMA DE PAGAMENTO – à vista ou em 2 vezes, no cartão de crédito, débito ou transferência bancária.

CERTIFICADO – concedido pela SIELBRA – Sociedade Internacional de Educação Líbano-Brasileira