Leia o artigo sobre Alimentação natural e energia: dupla de sucesso com o prof. Davison Borges

Por Gislaine Vicente para a Revista Moov | SAÚDE

Você sabia que os alimentos possuem sua própria frequência e os que são crus e vivos promovem melhor absorção dos nutrientes?

A energia dos alimentos é um tema muito discutido entre especialistas e demais interessados em manter ou ganhar qualidade de vida. Formado pelo Centro de Estudos e Acupuntura e Terapias Alternativas, especialista em radiestesia e radiônica, palestrante e pesquisador sobre nutrição, o engenheiro Davison Borges reúne muitas informações sobre o universo da alimentação natural, incluindo-se também a vegetariana, vegana e macrobiótica.

No mês de outubro, em uma de suas palestras, Davison Borges discorreu sobre o fluxo de energia presente nos alimentos e revelou a frequência de alguns deles: alimentos frescos e ervas aromáticas, 20-27 Hz; alimentos desidratados, 15-22 Hz; alimentos processados e enlatados, 0 Hz. Curioso, não? Os alimentos guardam uma frequência própria e há diferenciação quanto à energia presente em alimentos crus, vivos, cozidos e não-vivos.

Por ser também acupunturista, ele abordou temas como o equilíbrio dos chakras, e sua influência direta em nossa saúde, assim como a radiância da aura, que refletem nosso nível de bem-estar e as escolhas alimentares que fazemos, bem como a absorção dos nutrientes contidos na cadeia alimentar.

Outro ponto abordado e que desperta curiosidade é a cromoterapia. O especialista explicou que cada cor reserva uma função terapêutica, em conjunto com os chacras, que atuam sobre o organismo. A técnica permite que, por meio das cores, o equilíbrio e a harmonia se estabeleçam no corpo físico, na mente, no espírito, energizando pessoas e até animais.

Não por acaso, a Medicina chinesa coloca à disposição dos adeptos agulhas que equilibram a energia. Para possíveis males que apareçam, como por exemplo, os processos inflamatórios, as agulhas são aplicadas em pontos previamente estudados há milênios.

Para uma cura mais natural e completa, Davison recomenda alimentação saudável e equilibrada, inclusive para portadores de doenças crônicas, como diabetes e câncer, baseando-se em pesquisas nacionais e internacionais.

“Precisamos dessa conscientização porque nos ‘envenenamos’ por não saber como agir corretamente. O que colocamos no prato pode nos dar mais energia e saúde, sem que tenhamos que recorrer a suplementos alimentares”, explicou o professor, ao apontar os quatros venenos brancos: açúcar, sal, farinha e leite. Ficou interessado? Consulte nossos próximos encontros com Davison Borges.

O PODER E A ENERGIA DOS ALIMENTOS NATURAIS – Saiba mais sobre o poder dos alimentos naturais, crus e vivos, o quanto podem ser saborosos, além de dicas para a obtenção de melhor absorção dos nutrientes e da energia que se obtém deles para conquistar uma vida mais longeva e saudável. Com o prof. Davison Borges, pesquisador sobre nutrição, engenheiro eletrônico e pós-graduado em Telecomunicações (FEI) e em Administração e Marketing (FECAP). Formado em acupuntura pelo Centro de Estudos e Acupuntura e Terapias Alternativas, especialista em radiestesia e radiônica, palestrante sobre temas para o aprimoramento e desenvolvimento humano.

Quer ver a matéria no site do Moov? Clique aqui.

Site: www.sielbra.com.br
Blog: https://sielbraeducacao.wordpress.com/blog/
Nossa página no Facebook: facebook.com/Sielbra
Instagram: @sielbraeducacao. Linkedin: Sielbra

Gastronomia ancestral. O que os seus antepassados comiam? Aula demo com degustação de bug’s food

Os colonizadores nem haviam aportado em terras brasileiras e os índios já preparavam suas receitas conquistando os paladares daqueles que chegaram. Em 1549, o padre Manoel da Nóbrega guia os primeiros jesuítas à terra Brasilis e em relato da época dizia: “o mantimento comum da terra é uma raiz de pau que chamam de mandioca”. E, em 1560, o Padre José de Anchieta escreve as famosas Cartas de São Vicente com relatos do consumo de formigas e outros insetos pelo povo local.

O ato de se alimentar está aliado ao preparo e, desde os primórdios, com o surgimento do homem na terra, uma infinidade de receitas já foram preparadas, porém, muitas delas se perderam ao longo do tempo.

O objetivo dessa aula demo é resgatar uma das tradições mais antigas da Humanidade, o consumo de insetos alimentícios. Essa rica fonte alimentar foi primordial à sobrevivência dos nossos antepassados, saciam a fome de mais de 2 bilhões de humanos no planeta todo e com certeza será a alimentação do futuro.

PRÓXIMO ENCONTRO

Quando? Dia 29/7/2019, segunda-feira, das 19h30 às 21h – Investimento: R$ 30,00

INSCRIÇÃO – Até 28/7 – sielbra.educacao@gmail.com. Ou pelo whatsapp: (11) 9-5209-8596.

IMPORTANTE: Ao fazer a inscrição, fornecer nome completo, celular para contato e RG.

FORMA DE PAGAMENTO – no próprio evento, em dinheiro, no cartão ou transferência bancária.

Com Prof. Casé Oliveira, Biólogo, Bugs Cook – Presidente da Missão Ambiental.org, fundador da ASBRACI (Associação Brasileira dos Criadores de Insetos), pós-graduação em Gastronomia e Cozinha Autoral (PUC/RS). Técnico e Gestor Ambiental pela GV/FATEC. Especialista em Antropoentomofagia, com pesquisas na Área de Insetos Comestíveis para Alimentação Humana e Animal. Tem experiência em Educação Ambiental e Gestão Administrativa de Parques com atuação na Secretaria do Verde e Meio Ambiente do Município de SP (Parque Independência) e na Prefeitura de São Paulo (Prefeitura Regional Ipiranga), como conselheiro regional de Meio Ambiente e professor convidado da Sociedade Internacional de Educação Líbano-Brasileira. Atuação acadêmica na área Antropoentomofagia, Entomofagia, Agricultura urbana, Proteína Sustentável, Compostagem e Educação Ambiental.

Conheça um pouco mais sobre o tema, clicando aqui.

LIVE – Dia 16/5, 20h às 20h30. Comida gostosa x comida saudável – comer ou não comer, eis a questão – por que não ficar com os dois? Gratuito.

LIVE – Dia 16/5, 20h às 20h30. Comida gostosa x comida saudável – comer ou não comer, eis a questão – por que não ficar com os dois? Gratuito.

Saiba mais sobre o poder dos alimentos crus e vivos e como obter melhor absorção dos nutrientes e da energia que se obtém deles para conquistar uma vida mais longeva e saudável. Muitas dicas em bate-papo com Davison Borges, pesquisador sobre nutrição e engenheiro. Em live no Facebook. Acesse: www.facebook.com/SIELBRA/

O poder e a energia dos alimentos naturais

PRÓXIMA TURMA – EM BREVE!

Saiba mais sobre o poder dos alimentos crus e vivos e como obter melhor absorção dos nutrientes e da energia que se obtém deles a fim de conquistar uma vida mais longeva e saudável.

OBJETIVO – Proporcionar conhecimento para que as pessoas tenham opções e façam escolhas mais saudáveis.

PÚBLICO-ALVO – profissionais das mais diversas áreas, estudantes e quem está em busca de aprimoramento profissional e conhecimento pessoal.

CARGA HORÁRIA  3h  INVESTIMENTO: R$ 50

Pré-requisito: Ter aplicativo Hangout Meet instalado no smartphone ou ter no computador o navegador Google Chrome

Davison Borges – Pesquisador sobre nutrição e engenheiro eletrônico (Faculdade de Engenharia Industrial-FEI), pós-graduado em Telecomunicações (FEI) e em Administração e Marketing (FECAP). Formado em acupuntura pelo Centro de Estudos e Acupuntura e Terapias Alternativas, especialista em radiestesia e radiônica, palestrante sobre temas para o aprimoramento e desenvolvimento humano.

INFORMAÇÕES E INSCRIÇÃO: E-mail: sielbra.educacao@gmail.com ou pelo whatsapp (11) 95209-8596

INSCRIÇÃO – Por E-mail: sielbra.educacao@gmail.com. Ou pelo whatsapp: (11) 95209-8596.

Compre seu ingresso pelo Sympla! Aqui

IMPORTANTE: Ao fazer a inscrição, fornecer nome completo, celular para contato e RG.

CERTIFICADO – concedido pela SIELBRA – Sociedade Internacional de Educação Líbano-Brasileira mediante 75% de presença e quitação do Curso.

Leia mais sobre o tema aqui

O mercado de insetos comestíveis no Brasil

PRÓXIMA TURMA – EM BREVE!

OBJETIVO – Formar profissionais para atuar na área de criação de insetos comestíveis para alimentação

METODOLOGIA – aulas expositivas, apresentação de cases e demonstração de produtos.

PÚBLICO-ALVO – Profissionais das áreas de Agronegócios, Ciências, Biológicas, empreendedores, micro e pequenos empresários, comerciantes, profissionais liberais, estudantes e quem está em busca de aprimoramento profissional e conhecimento. Não é necessário ter pré-requisitos.

O planeta terra passa por um momento histórico, o crescimento populacional humano é um fato que pode ser observado nas grandes cidades e litorais. Com mais humanos cresce também o número de PETS (animais de estimação) e a demanda por proteína (alimento) precisa ser repensada. No ritmo desse crescimento populacional de humanos e PETS as projeções não são animadoras e pode faltar alimento. Em 2050, somaremos 9 bilhões de habitantes no planeta Terra e os insetos representam 90% dos animais existentes e podem ser poderosos aliados proteicos: os insetos têm o dobro de proteínas contida na carne e hoje muita gente conta com grilos, besouros e gafanhotos em seu cardápio. A proteína dos insetos auxilia no emagrecimento e tem sido usada por atletas como incentivo à massa muscular.

CARGA HORÁRIA – 8h divididas em 4 encontros.

INVESTIMENTO – De R$ 500,00 por R$ 400,00

Com Prof. Casé Oliveira, Biólogo, Bugs Cook – Pós-graduação em Gastronomia e Cozinha Autoral (PUC/RS). Graduado em Ciências Biológicas, Técnico e Gestor Ambiental pela GV/FATEC. Presidente da Missão Ambiental.org, Fundador da ASBRACI (Associação Brasileira dos Criadores de Insetos), Especialista em Antropoentomofagia, com pesquisas na Área de Insetos Comestíveis para Alimentação Humana e Animal. Tem experiência em Educação Ambiental e Gestão Administrativa de Parques com atuação na Secretaria do Verde e Meio Ambiente do Município de SP (Parque Independência) e na Prefeitura de São Paulo (Prefeitura Regional Ipiranga), como conselheiro regional de Meio Ambiente e professor convidado da Sociedade Internacional de Educação Líbano-Brasileira. Atuação acadêmica na área Antropoentomofagia, Entomofagia, Agricultura urbana, Proteína Sustentável, Compostagem e Educação Ambiental.

 

Assista aqui a entrevista do prof. Casé, nosso bugs cook, com André Trigueiro, na Globonews

INSCRIÇÃO –  sielbra.educacao@gmail.com. Ou pelo whatsapp: (11) 9-5209-8596

IMPORTANTE: Ao fazer a inscrição, fornecer nome completo, celular para contato e RG.

FORMA DE PAGAMENTO – à vista ou em 2 vezes, no cartão de crédito, via transferência bancária ou pelo SYMPLA (AQUI).

CERTIFICADO – concedido pela SIELBRA – Sociedade Internacional de Educação Líbano-Brasileira mediante 75% de presença e quitação do Curso.