Gratuito. Dia 14 de março: aula experimental de língua árabe

No dia 14 de março, sábado, a partir das 14h, a Sielbra promoverá, gratuitamente, aula experimental de língua árabe. Não são necessários pré-requisitos.

Aprenda a língua árabe e sua cultura milenar, na Sielbra, em três níveis: básico, intermediário e avançado. A metodologia, o material e os excelentes professores fazem da Sielbra a melhor opção para o estudo personalizado do árabe e seus aspectos culturais.

Metodologia: nossa proposta é de desenvolver a conversação e a compreensão escrita e auditiva, com o auxílio de material de apoio e de recursos audiovisuais. Portanto, voltado à necessidade do aluno, em seu âmbito profissional e acadêmico.

Nessa aula experimental, você poderá esclarecer suas dúvidas: Qual a duração do curso e sua carga horária? Quanto custa a mensalidade? Quando começa? Quais as formas de pagamento disponíveis? As aulas são presenciais? A Sielbra concede certificado?

Entre em contato com nossa equipe acadêmica para participar da aula experimental e conhecer os horários disponíveis das aulas presenciais. Na sua matrícula, traga um amigo e ganhe 20% de desconto. Informações: (11) sielbra.educacao@gmail.com e (11) 5587-2222.

A escola de samba – 1970 a 2000: por dentro da escola

Informações sobre o curso: O objetivo é inserir os participantes no contexto histórico e na estrutura do Carnaval moderno. Descreveremos as mudanças de paradigmas na década, as questões estéticas e sociais, como, por exemplo, a proibição do Entrudo, as mães baianas, os Sambas de Terreiro, a criação do Samba-Enredo. As mudanças no Carnaval moderno: da preparação ao desfile, os grandes carnavalescos,  a década de 70 para as Escolas de São Paulo e as influências do Rio, super-escolas de Samba S/A, e a Era do Sambódromo.

Docentes: Gislaine Vicente e Marcus Marmello

Carga horária4h – Investimento: R$ 250

Quando: EM BREVE!

Metodologia: Aula expositiva, com apresentação de cases e material multimídia.

Conheça nosso programa:

Público-alvo: pessoas interessadas em cultura popular, com algum conhecimento ou não sobre o samba e sua induústria, profissionais da área de comunicação.

Marcus Marmello – tem formação em arquivologia pela Universidade do Rio de Janeiro – UniRio,  trabalhou no projeto memoria da vale do Rio Doce e em organização de acervos documentais, fotograficos e de filmes, militou no teatro amador no RJ, sendo diretor da associação de teatro amador carioca, nasceu e cresceu no bairro de Irajá no Rio de Janeiro onde teve contato com antigos sambistas da Portela e do Império Serrano, Jongueiro, compositor, intérprete e pesquisador de samba, estuda a história e composição de sambas a mais de 30 anos.

Gislaine Vicente – Jornalista (Un. Braz Cubas) e pós-graduada pela Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo e Unibero; especialista em Carnaval e Afrocultura. Trabalha desde 1990 em meios de comunicação, tendo passado por grandes veículos, como TVs Globo, Record, Rede TV! e SBT, agências de notícias como AgEstado/ O Estado de São Paulo e Folha de São Paulo (Publifolha), Sistema Globo de Rádio/ CBN, rádio Nativa, ECAD, Metrô News, Agnelo Pacheco (Publicidade), entre outros. Em todos os veículos cobriu os desfiles de escola de samba dos grupos Especial e de Acesso de SP e RJ, além de confeccionar os books de transmissão e da UESP. Foi jurada de eliminatórias de samba-enredo e editora do livro A geografia do Samba na cidade de São Paulo, de Alessandro Dozena (Polisaber).

Pré-requisito: sem pré-requisitos.

INSCRIÇÃO – por e-mail: sielbra.educacao@gmail.com | Ou pelo whatsapp: (11) 95209-8596.

IMPORTANTE: ao fazer a inscrição, fornecer nome completo, celular para contato e RG e responder as respectivas perguntas:

FORMA DE PAGAMENTO – à vista ou em 2 vezes, no cartão de crédito, débito ou transferência bancária.

CERTIFICADO – concedido pela SIELBRA – Sociedade Internacional de Educação Líbano-Brasileira

Storytelling na prática: histórias para conectar marcas e pessoas

Docente: Camila Grillo

Informações sobre o curso: Contar histórias está no imaginário dos seres humanos desde os primórdios da Humanidade. Embora as formas de se comunicar tenham mudado ao longo dos tempos, as histórias continuam fazendo parte da nossa contemporaneidade. E por que não aplicá-las ao universo das mídias digitais? Em tempos de tanta informação, pensar em maneiras inovadoras e criativas para o conteúdo da sua marca torna-se um meio eficaz para chamar a atenção e agregar valor na relação marca e pessoas. Pensando nisso, o objetivo desse curso é capacitar pessoas na criação de Storytelling voltada à estratégia de negócios que poderá ser aplicada nas mídias sociais, sites, blogs, podcasts e vídeos.

Carga horária3h – Investimento: R$ 250,00

Quando: Em breve!

Metodologia: Aula expositiva com conteúdo teórico e exemplos práticos.

Público-alvo: pequenas e médias empresas, empreendedores, profissionais da área de comunicação, liberais e autônomos, bem como pessoas que desejam aprender técnicas de contar histórias dentro do universo da cibercultura.

Pré-requisito: ter conhecimentos prévios de mídias digitais.

Objetivo geral: apresentar informações sobre a importância da criação de narrativas em tempos de internet; apresentar os conceitos gerais de Storytelling, bem como a estrutura da criação de projeto e roteiro com foco na jornada do herói. Apresentar Storytelling na prática por meio de estudos de caso.

Camila Grillo – Mestre em Estudos Culturais pela Escola de Artes, Ciências e Humanidade da Universidade de São Paulo (EACH-USP), Especialista em Gestão da Comunicação em Mídias Digitais (SENAC/SP), graduada em Comunicação Social – Jornalismo (UNIP). Formação técnica nos cursos de Habilitação Profissional de Ator (Fundação das Artes de São Caetano do Sul, FASCS, Brasil) e Processamento de Dados (Argumento Objetivo).

Ficou interessado(a)? Mande um E-mail para: sielbra.educacao@gmail.com | Ou pelo whatsapp: (11) 95209-8596.

IMPORTANTE: ao fazer a inscrição, fornecer nome completo, celular para contato e RG e responder as respectivas perguntas:

1) Como ficou sabendo do curso?

2) Qual o conhecimento que você tem sobre mídias digitais?

3) Qual sua expectativa em relação a este curso?

FORMA DE PAGAMENTO – à vista ou em 2 vezes, no cartão de crédito, débito ou transferência bancária.

CERTIFICADO – concedido pela SIELBRA – Sociedade Internacional de Educação Líbano-Brasileira

 

Leia o artigo sobre Alimentação natural e energia: dupla de sucesso com o prof. Davison Borges

Por Gislaine Vicente para a Revista Moov | SAÚDE

Você sabia que os alimentos possuem sua própria frequência e os que são crus e vivos promovem melhor absorção dos nutrientes?

A energia dos alimentos é um tema muito discutido entre especialistas e demais interessados em manter ou ganhar qualidade de vida. Formado pelo Centro de Estudos e Acupuntura e Terapias Alternativas, especialista em radiestesia e radiônica, palestrante e pesquisador sobre nutrição, o engenheiro Davison Borges reúne muitas informações sobre o universo da alimentação natural, incluindo-se também a vegetariana, vegana e macrobiótica.

No mês de outubro, em uma de suas palestras, Davison Borges discorreu sobre o fluxo de energia presente nos alimentos e revelou a frequência de alguns deles: alimentos frescos e ervas aromáticas, 20-27 Hz; alimentos desidratados, 15-22 Hz; alimentos processados e enlatados, 0 Hz. Curioso, não? Os alimentos guardam uma frequência própria e há diferenciação quanto à energia presente em alimentos crus, vivos, cozidos e não-vivos.

Por ser também acupunturista, ele abordou temas como o equilíbrio dos chakras, e sua influência direta em nossa saúde, assim como a radiância da aura, que refletem nosso nível de bem-estar e as escolhas alimentares que fazemos, bem como a absorção dos nutrientes contidos na cadeia alimentar.

Outro ponto abordado e que desperta curiosidade é a cromoterapia. O especialista explicou que cada cor reserva uma função terapêutica, em conjunto com os chacras, que atuam sobre o organismo. A técnica permite que, por meio das cores, o equilíbrio e a harmonia se estabeleçam no corpo físico, na mente, no espírito, energizando pessoas e até animais.

Não por acaso, a Medicina chinesa coloca à disposição dos adeptos agulhas que equilibram a energia. Para possíveis males que apareçam, como por exemplo, os processos inflamatórios, as agulhas são aplicadas em pontos previamente estudados há milênios.

Para uma cura mais natural e completa, Davison recomenda alimentação saudável e equilibrada, inclusive para portadores de doenças crônicas, como diabetes e câncer, baseando-se em pesquisas nacionais e internacionais.

“Precisamos dessa conscientização porque nos ‘envenenamos’ por não saber como agir corretamente. O que colocamos no prato pode nos dar mais energia e saúde, sem que tenhamos que recorrer a suplementos alimentares”, explicou o professor, ao apontar os quatros venenos brancos: açúcar, sal, farinha e leite. Ficou interessado? Consulte nossos próximos encontros com Davison Borges.

O PODER E A ENERGIA DOS ALIMENTOS NATURAIS – Saiba mais sobre o poder dos alimentos naturais, crus e vivos, o quanto podem ser saborosos, além de dicas para a obtenção de melhor absorção dos nutrientes e da energia que se obtém deles para conquistar uma vida mais longeva e saudável. Com o prof. Davison Borges, pesquisador sobre nutrição, engenheiro eletrônico e pós-graduado em Telecomunicações (FEI) e em Administração e Marketing (FECAP). Formado em acupuntura pelo Centro de Estudos e Acupuntura e Terapias Alternativas, especialista em radiestesia e radiônica, palestrante sobre temas para o aprimoramento e desenvolvimento humano.

Quer ver a matéria no site do Moov? Clique aqui.

Site: www.sielbra.com.br
Blog: https://sielbraeducacao.wordpress.com/blog/
Nossa página no Facebook: facebook.com/Sielbra
Instagram: @sielbraeducacao. Linkedin: Sielbra

Oficina – Escrever sem medo

Docentes: Cida Simka e Sérgio Simka

Informações sobre a oficina: Esta oficina procurará favorecer uma prática ao mesmo tempo interativa, criativa e crítico-reflexiva, conduzindo o participante em direção a uma perspectiva humano-discursiva do processo de escrita.

Quando? Em breve!

Carga horária: 2h 

Investimento: R$ 60,00 (incluso um exemplar do livro Prática de Escrita, da autoria dos palestrantes).

Metodologia: Ancorada numa escrita de orientação psicometodológica, leva o participante a se constituir como artífice do seu próprio discurso.

Público-alvo: Estudantes, graduandos, graduados, pós-graduandos, aspirantes a escritores e todos que de alguma forma têm com a escrita e leitura uma relação de amor e ódio.  

Justificativa: A escrita sempre foi e sempre será fator essencial na existência de qualquer ser humano. Ela representa as portas de entrada e de saída para as oportunidades de transformação de vida, seja nos aspectos intelectual, pessoal, profissional e social, além de ser facilitadora para se conviver melhor em sociedade. E não há como dissociar a escrita da leitura, recurso igualmente primordial para que haja interação entre as pessoas. Nesse sentido, a oficina é essencial para quem deseja adquirir um novo olhar com relação ao processo de escrita. 

Objetivo geral: Desenvolver todo o potencial linguístico-textual do participante, fazendo do processo de construção textual um momento divertido e libertador.

Sérgio Simka – Mestre e doutor em Língua Portuguesa pela PUC-SP, é professor universitário desde 1999. Autor de mais de cinco dezenas de livros publicados nas áreas de gramática, literatura, produção textual, literatura infantil e infantojuvenil. Idealizou, com Cida Simka, a série Mistério, publicada pela Editora Uirapuru. Organizador dos livros Uma noite no castelo (Editora Selo Jovem, 2019) e Contos para um mundo melhor (Editora Xeque-Matte, 2019). Autor, dentre outros, do livro Prática de escrita: atividades para pensar e escrever (Wak Editora, 2019). Membro do Conselho Editorial da Editora Pumpkin, integrante do Núcleo de Escritores do Grande ABC e colunista da revista Conexão Literatura.

Cida Simka – Licenciada em Letras pelas Faculdades Integradas de Ribeirão Pires (FIRP). Coautora do livro Ética como substantivo concreto (Wak Editora, 2014) e autora dos livros O acordo ortográfico da língua portuguesa na prática (Wak Editora, 2016), O enigma da velha casa (Editora Uirapuru, 2016), “Nóis sabe português” (Wak Editora, 2017) e Prática de escrita: atividades para pensar e escrever (Wak Editora, 2019). Organizadora dos livros Uma noite no castelo (Editora Selo Jovem, 2019) e Contos para um mundo melhor (Editora Xeque-Matte, 2019). Integrante do Núcleo de Escritores do Grande ABC e colunista da revista Conexão Literatura.

Ficou interessado(a)? Mande um email para  sielbra.educacao@gmail.com. Ou pelo WhatsApp: (11) 95209-8596. 

IMPORTANTE: Ao fazer a inscrição, fornecer nome completo, celular para contato e RG e responder às respectivas perguntas: 1) Como ficou sabendo do curso? 2) Qual o conhecimento que você tem sobre escrita? 3) Qual sua expectativa em relação a esta oficina?

FORMA DE PAGAMENTO  À vista ou em 2 vezes, no cartão de crédito, débito ou transferência bancária.

CERTIFICADO  Concedido pela SIELBRA – Sociedade Internacional de Educação Líbano-Brasileira. 

 

O que é inteligência financeira?

Micro ou pequena, as empresas precisam compreender o que os números demonstram sobre o andamento do seu negócio e como integrá-los às outras áreas para ser sustentáveis

Jorge Souza

Em encontro com empresários e pessoas que querem começar a empreender, Jorge Souza conversou, em 31/8, na Sielbra, sobre ferramentas funcionais para criar e manter um negócio, a forma de se prospectar e fidelizar clientes, a fim de atravessar um período comum a toda empresa, o ‘buraco negro’, quando tudo se complica e se faz necessário estabelecer uma boa estratégia para abandonar essa posição.

Em termos de estratégia, é fundamental ter clareza quanto à missão da empresa e o valor do seu negócio, determinantes também para os pilares de marketing e venda.

Por isso, é importante compreender qual a abrangência do negócio, seu nicho, o plano estabelecido para se alcançar um objetivo futuro ou a solução de um problema. E, ainda, realizar com segurança a precificação no mundo digital, mais complexo do que no off line.

Em termos financeiros, qual o melhor caminho: utilizar o lucro obtido para investir ou crescer? “Quando é preciso estabilizar o negócio, o melhor é fazer investimentos com o lucro obtido, mas o negócio precisa realmente estar voltado ao ganho financeiro, ser rentável”, conforme explica Jorge Souza.

Um dos grandes problemas do pequeno negócio é que o empresário pode se sobrecarregar com tantas tarefas, de olho nas vendas e no marketing, na legislação, nas obrigações tributárias, e ainda questões administrativas. Não se pode perder o foco – o core business. Se a empresa se expande e necessita de colaboradores, o melhor é começar a contratar pela área de vendas/marketing, que irá alavancar o lucro, e o financeiro, que dará suporte e estrutura ao negócio para que ele não quebre.

Souza aponta vários tipos de empresários, desde o ninja [dá golpe para todos os lados], o estagiário [aprende empiricamente com o negócio], o marreco [seus negócios seguem aos trancos & barrancos, em um sobe e desce constante] e o falêncio [que está no vermelho e não sabe como sair do buraco].

Mas o que é, afinal, inteligência financeira? Souza esclarece que se trata da aplicação dos números à gestão e é preciso entender os riscos e oportunidades que eles apontam, o que mostram realmente. A compreensão é fundamental, mas igualmente a sua integração com as demais áreas da empresa, como o marketing e as vendas, por exemplo, para que elas sejam realmente utilizáveis, na prática. O especialista pontua que uma das vantagens das micro, pequenas e médias empresas é não necessitar de grande volume de análise, como ocorre com as grandes empresas.

Com o objetivo de auxiliar os micro, pequenos e médios empreendedores, ou quem quer começar a empreender, Jorge Souza realizará cursos relâmpagos de acordo com a necessidade de cada um. Confira:

Inteligência financeira (como entender e tomar decisões sobre os números da empresa), no dia 28/9, das 8h às 18:00 h. Duração: 8h. Investimento: R$ 120,00

Marketing que gera resultados e aumenta as vendas, no dia 5/10, das 8h30 às 13h. Duração: 4h. Investimento: 60,00

Como atrair clientes, gerar vendas e aumentar lucros, no dia 26/10, das 8h30 às 13h. Duração: 4h. Investimento: 60,00

Estratégia como forma de inovar, crescer e lucrar, no dia 9/11, das 8h30 às 13h. Duração: 4h. Investimento: 60,00

Jorge Souza é pós-graduado em Administração de Empresas (FAAP-SP); graduação em Engenharia Agronômica (UFPEL-RS); mais de 20 anos de experiência na gestão de negócios, modelos de negócios, marketing; vendas, R&D e desenvolvimento e implementação de estratégia. Experiência com empresas start ups e à frente da FIJI – Consultoria e gestão de negócio.

Estratégia como forma de inovar, crescer e lucrar

Inscrições? sielbra.educacao@gmail.com

9/11/19 – Estratégia como forma de inovar, crescer e lucrar, das 8h30 às 13h. Duração: 4h. Investimento: 60,00

Com Jorge Souza – pós-graduado em Administração de Empresas (FAAP-SP); graduação em Engenharia Agronômica (UFPEL-RS); mais de 20 anos de experiência na gestão de negócios, modelos de negócios, marketing; vendas, R&D e desenvolvimento e implementação de estratégia. Experiência com empresas start ups.

Em parceria com a FIJI – Consultoria e gestão de negócio

26/10 – Como atrair clientes, gerar vendas e aumentar lucros, das 8h30 às 13h. Duração: 4h. Investimento: 60,00

5/10 – das 8h30 às 13h – Marketing que gera resultados e aumenta vendas para micro e pequenas empresas

Jorge Souza irá trabalhar com as três fases do planejamento de marketing (antes, durante e depois) e suas modalidades (off-line e on-line), bem como a realização de um bom planejamento, o que envolve a prospecção de clientes e do mercado, como gerar conexões e a fidelização. Ou seja, elaborar uma estratégia em consonância com o da empresa. A construção do plano de marketing deve ser enxuta e funcional, focada nas pequenas e médias organizações, utilizando-se um exemplo de modelagem de negócio. Também serão abordadas as categorias de produtos e serviços, a reposição de produtos e marcas, os nichos de mercado, o que é extremamente importante para a atuação da PME. E, ainda, a análise dos concorrentes e os canais para se alcançar esses clientes e entregar o produto/serviço, seu ciclo de vida, que ganhou muita ênfase, acrescentando-se o desenvolvimento de marcas. A logística é outro ponto de destaque, integra o marketing, e necessita de atenção quando se trata de um produto físico a ser entregue.

Invista no crescimento de sua empresa e no seu aperfeiçoamento profissional! Seja um empreendedor.

Inteligência financeira para micro, pequenas e médias empresas

Invista no crescimento de sua empresa! Inscreva-se: sielbra.educacao@gmail.com

Micro ou pequena, as empresas precisam compreender o que os números demonstram sobre o andamento do seu negócio e como integrá-los às outras áreas para ser sustentáveis

Inteligência financeira (como entender e tomar decisões sobre os números da empresa), no dia 28/9, das 8h às 18h. Duração: 8h. Investimento: R$ 120,00

Em encontro com empresários e pessoas que querem começar a empreender, Jorge Souza conversou, em 31/8, na Sielbra, sobre ferramentas funcionais para criar e manter um negócio, a forma de se prospectar e fidelizar clientes, a fim de atravessar um período comum a toda empresa, o ‘buraco negro’, quando tudo se complica e se faz necessário estabelecer uma boa estratégia para abandonar essa posição. 

Em termos de estratégia, é fundamental ter clareza quanto à missão da empresa e o valor do seu negócio, determinantes também para os pilares de marketing e venda. 

Por isso, é importante compreender qual a abrangência do negócio, seu nicho, o plano estabelecido para se alcançar um objetivo futuro ou a solução de um problema. E, ainda, realizar com segurança a precificação no mundo digital, mais complexo do que no off line. 

Em termos financeiros, qual o melhor caminho: utilizar o lucro obtido para investir ou crescer? “Quando é preciso estabilizar o negócio, o melhor é fazer investimentos com o lucro obtido, mas o negócio precisa realmente estar voltado ao ganho financeiro, ser rentável”, conforme explica Jorge Souza.

Um dos grandes problemas do pequeno negócio é que o empresário pode se sobrecarregar com tantas tarefas, de olho nas vendas e no marketing, na legislação, nas obrigações tributárias, e ainda questões administrativas. Não se pode perder o foco – o core business. Se a empresa se expande e necessita de colaboradores, o melhor é começar a contratar pela área de vendas/marketing, que irá alavancar o lucro, e o financeiro, que dará suporte e estrutura ao negócio para que ele não quebre. 

Souza aponta vários tipos de empresários, desde o ninja [dá golpe para todos os lados], o estagiário [aprende empiricamente com o negócio], o marreco [seus negócios seguem aos trancos & barrancos, em um sobe e desce constante] e o falêncio [que está no vermelho e não sabe como sair do buraco].

Mas o que é, afinal, inteligência financeira? Souza esclarece que se trata da aplicação dos números à gestão e é preciso entender os riscos e oportunidades que eles apontam, o que mostram realmente. A compreensão é fundamental, mas igualmente a sua integração com as demais áreas da empresa, como o marketing e as vendas, por exemplo, para que elas sejam realmente utilizáveis, na prática. O especialista pontua que uma das vantagens das micro, pequenas e médias empresas é não necessitar de grande volume de análise, como ocorre com as grandes empresas.

Com o objetivo de auxiliar os micro, pequenos e médios empreendedores, ou quem quer começar a empreender, Jorge Souza realizará cursos relâmpagos de acordo com a necessidade de cada um. Confira:

Marketing que gera resultados e aumenta as vendas, no dia 5/10, das 8h30 às 13h. Duração: 4h. Investimento: 60,00

Como atrair clientes, gerar vendas e aumentar lucros, no dia 26/10, das 8h30 às 13h. Duração: 4h. Investimento: 60,00

Estratégia como forma de inovar, crescer e lucrar, no dia 9/11, das 8h30 às 13h. Duração: 4h. Investimento: 60,00

Jorge Souza é pós-graduado em Administração de Empresas (FAAP-SP); graduação em Engenharia Agronômica (UFPEL-RS); mais de 20 anos de experiência na gestão de negócios, modelos de negócios, marketing; vendas, R&D e desenvolvimento e implementação de estratégia. Experiência com empresas start ups e à frente da FIJI – Consultoria e gestão de negócio.